Seda: técnica do sal

Aguarela com Técnica do Sal


Sal e Aguarela na seda ou musselina

A técnica do sal aplica-se para pintar tecidos em seda. A peça apresentada neste artigo, no entanto, é de musselina, tecido igualmente fino, mas ligeiramente mais pesado. Mesmo assim, serve perfeitamente para utilizar a técnica do sal, conforme descrevemos. Neste caso, a peça, com dimensões apreciáveis, mais ou menos 180 cm de comprimento por 100 cm de largura, foi colocada no bastidor sem que fosse demasiado esticada.
Com o peso das tintas e da água, formou-se assim uma leve concavidade na sua parte central, originando por esse facto uma convergência na orientação das duas cores aplicadas (azul e verde) para o meio da peça. Ou seja, quando da aplicação das pedras de sal sobre a aguarela, os efeitos de "lágrima", com o passar de algum tempo, foram-se misturando, acentuando e orientando-se, naturalmente, na mesma direção.
Entendeu-se, nesta pintura, parar o efeito do sal em determinado momento, antes mesmo que este continuasse a absorver mais tinta, por se considerar que a harmonia de cores e as nuances originadas pelo sal atingiram o seu ponto máximo de beleza. Nesse momento, que é sempre muito relativo em função do gosto de cada artista ou  observador, usou-se o secador de cabelo para impedir a progressão dos efeitos.
No intuito de alterar para maior o tamanho da imagem, alguma composição gráfica foi acrescentada, notando-se bem as pedras de sal numa das fases evolutivas dos seus efeitos.

Comentários

Mensagens populares deste blogue