Avançar para o conteúdo principal

Tapeçaria e Tecelagem

Tapeçaria bordada


Arte da Tapeçaria

A tapeçaria é, sem dúvida, uma arte. De um modo simples, poderá dizer-se que a tapeçaria é a arte de fabricação de tapetes, servindo estes não apenas para revestir pavimentos, como os das nossas casas, escritórios, lugares públicos, mas também as paredes desses mesmos lugares com fins de embelezamento, proporcionando ambientes com qualidade distintiva, artisticamente belos, agradáveis e de conforto, sendo parte importantíssima na arquitetura dos espaços.
A arte da tapeçaria foi naturalmente acompanhando o desenvolvimento dos povos ao longo de milénios, desde o seu aparecimento que, segundo vestígios, remontará aos anos de 1400 antes de Cristo, no antigo Egipto. No entanto, outras civilizações terão dado início a esta arte, em tempos muito remotos, através da sua vertente mais primária - a tecelagem. Na tecelagem, na sua definição geral, a parte artística é praticamente inexistente, pois ela nasceu e serviu, em primeiro lugar, para proteção do corpo, sendo também utilizada para tapetes e outros utilitários domésticos.
A tecelagem que também pode designar-se por tecedura é constituída por um módulo de desenho, repetidamente efetuado ao longo da teia do tear, formando um singelo padrão sem interrupção de fios, podendo mesmo ser lisa a superfície tecida, sem quaisquer ornatos. Atrevemo-nos a dizer que a tapeçaria é a descendente direta da tecelagem.
Convém referir que, tanto na tecelagem como na tapeçaria, o fio utilizado pode ter diversas origens: animal, vegetal ou sintética.
Assim, a tapeçaria tem uma função decorativa, numa componente acentuadamente artística, hoje em dia muito usada na decoração de interiores. Em reduzida escala, a técnica da tapeçaria bordada é também executada no ARTEAZUL'ATELIER, como se observa na imagem - excerto de um tapete de forma redonda. Mas, a tapeçaria que vimos realizando desde há vinte e sete anos é a tapeçaria tecida artística, efetuada num tear simples, com técnicas simples de expressão livre.

Comentários